O MEU IRMÃO. THÉO E VINCENT VAN GOGH

O MEU IRMÃO. THÉO E VINCENT VAN GOGH
Estreia_Sala-Estúdio Mário Viegas, Lisboa_8 de Abril de 2015
Texto_Judith Perrignon
Tradução_José Mário Silva
Encenação e dramaturgia_Teresa Faria
Apoio à dramaturgia_João Maria André
Cenografia_Rita Abreu
Figurinos_José António Tenente
Desenho de luz_Nuno Meira
Consultor para a música_Luís do Amaral Alves
Construção de cenário_Jorge Caiado
Fotografia_Rita Carmo
Assistente de produção_Cláudia do Vale
Interpretação_Sérgio Praia
Co-Produção_Margarida Mendes Silva e São Luiz Teatro Municipal
Apoio_Hotel Borges

ONDE É QUE EU JÁ VI ISTO, PERGUNTOU ELE

(Português) ONDE É QUE EU JÁ VI ISTO, PERGUNTOU ELE

Estreia_Teatro Garcia de Resende, Évora_30 de Outubro de 2014
Autor_Rui Pina Coelho
Dramaturgia_Rui Pina Coelho
Encenação_José Russo
Cenografia e Figurinos_Rita Abreu
Iluminação_Pedro Bilou
Interpretação_Ana Meira, José Russo e Rui Nuno
Canção_Versão, concertina e voz de Luis Correia Carmelo
(Original de Leonard Cohen)
Gravação_André Capela
Direcção Técnica e Operação_António Rebocho
Construção e Montagem_Tomé Baixinho, Tomé Antas e Paulo Carocho
Secretariado_Ana Duarte
Produção_Cláudia Silvano
Fotografia_Paulo Nuno Silva
Design Gráfico_Milideias Comunicação Visual Ldª

OS NEGÓCIOS DO SENHOR JÚLIO CÉSAR

OS NEGÓCIOS DO SR. JÚLIO CÉSAR

Estreia_Teatro Nacional de São João_13 de Setembro de 2013
Encenação_Gonçalo Amorim
Adaptação e apoio à dramaturgia_Rui Pina Coelho a partir da tradução de António Ramos Rosa
Apoio ao movimento_Vera Santos
Cenografia_Rita Abreu
Desenho de luz_Francisco Tavares Teles
Figurinos_Catarina Barros
Música original_Pedro Boléo, Samuel Coelho
Sonoplastia e desenho de som_Luís Aly
Adereços_João Rosário
Stencil_André Neves
Escultura_Hernâni Miranda
Assistência de encenação_João Villas-Boas
Interpretação_Daniel Pinto (os olhos e a escrita) Biógrafo, Escravo Raro; Paulo Moura Lopes (o jovem advogado ambicioso) C.; João Miguel Mota (o anfitrião e o banqueiro) Mummlius Spicer; Ana Brandão (a consciência) O Anjo de Costas, Vástio Alder; Inês Pereira (a cortesã e a política astuta) Caesarette 1, Cíntia, Fúlvia; Catarina Lacerda (a sedutora e a conspiradora) Caesarette 2, Múcia; Pedro Pernas (o escravo objeto de desejo) Semprónio, Glauco, Caébio, O único democrata de toda a Itália, Cúrio, Escravo/Romano 1; Nicolas Brites (o soldado e o general) Ex-legionário, Catilina, Vétio, Pompeu, Escravo/Romano 2; Carlos Marques (o jurista e o capitalista) Afrânio Carbon, Crasso, Escravo/Romano 3; Samuel Coelho (músico)

UM ESPECTÁCULO PARA OS MEUS COMPATRIOTAS

UM ESPECTÁCULO PARA OS MEUS COMPATRIOTAS

Estreia_Negócio ZDB_23 de Outubro de 2012
Um projeto de Rui Pina Coelho e Gonçalo Amorim
Texto_Rui Pina Coelho a partir de “A letter to my fellow countrymen” (1961) de John Osborne
Criação_Carlos Marques, Catarina Barros, Gonçalo Amorim, Maria Joana Figueiredo, Rui Pina Coelho, Raquel Castro, Rita Abreu, Vânia Rovisco
Participação especial_Joana de Verona, Luís Araújo, Conjunto Vigor (Inês Pereira, Sofia Vitória e Joana Campelo) e Luís Correia Carmelo

O DIA DO SANTO

O DIA DO SANTO

Estreia_17 de Maio_Auditório Municipal de Gaia
Texto_John Whiting
Tradução_Fernando Villas-Boas
Encenação_Gonçalo Amorim
Cenografia_Rita Abreu
Desenho de luz_Francisco Tavares Teles
Figurinos_Catarina Barros
Sonoplastia_Eduardo Brandão
Adereços_João Rosário
Interpretação_Gonçalo Amorim, Ana Brandão, Crista Alfaiate, Inês Pereira, João Miguel Mota, Nicolas Brites, Paulo Moura Lopes, Pedro Pernas, Raquel Ruas

JÁ PASSARAM QUANTOS ANOS

JÁ PASSARAM QUANTOS ANOS

Estreia_Teatro Municipal de Gaia – 10 de Novembro de 2011
Texto_Rui Pina Coelho
Encenação_Gonçalo Amorim
Cenografia_Rita Abreu
Desenho de luz_Francisco Tavares Teles
Sonoplastia_Eduardo Brandão
Figurinos_Susana Sá
Adereços_João Rosário
Vídeo_Rita Abreu e João Lacerda Seixas
Interpretação_Carlos Marques, Joana de Verona, Luís Araújo e Raquel Castro

DO ALTO DA PONTE

Estreia_Auditório Municipal de Vila Nova de Gaia_22 de Setembro de 2011
Encenação_Gonçalo Amorim
Tradução_Ana Raquel Fernandes e Rui Pina Coelho
Cenografia_Rita Abreu
Apoio Dramatúrgico_Rui Pina Coelho
Desenho de Luz_Francisco Tavares Teles
Sonoplastia_Eduardo Brandão
Figurinos_Susana Sá
Adereços_João Rosário
Interpretação_Aquiles Dias, Inês Pereira, João Miguel Mota, João Villas Boas, Jorge Mota, José Cruz, Maria João Pinho e Paulo Moura Lopes, acompanhados por António Portela, Carlos Gonçalves, Edi Gaspar, Eugénia Cunha e Sérgio Cunha.
Produção_Teatro Experimental do Porto

O JOGADOR

O JOGADOR – a partir de FIÓDOR DOSTOIÉVSK

Estreia_S. Luiz_05 de Maio de 2011
Encenação_Gonçalo Amorim
Adaptação_Emília Costa
Assistência de encenação e dramaturgia_Ana Bigotte Vieira
Assistência de encenação e coreografia_Vânia Rovisco
Cenografia_Rita Abreu
Assistência de cenografia_Raquel Albino
Figurinos e adereços_Ana Limpinho, Maria João Castelo
Música original_Paulo Furtado, Rita Redshoes
Desenho de luz_José Manuel Rodrigues
Sonoplastia_Sérgio Milhano
Vídeo_Frederico Lobo
Intérpretes_António Fonseca, Carla Galvão, Carla Maciel, Duarte Guimarães, Iris Cayatte, Joana de Verona, João Villas Boas, Mónica Garnel, Nicolas Brites, Raquel Castro, Romeu Costa, Vânia Rovisco

A mãe

A MÃE

Estreia_Culturgest – 19 de Março de 2009
Título original_Die Mutter (1931)
Tradução_Lino Marques (Teatro III de Brecht, Livros Cotovia)
Encenação_Gonçalo Amorim
Assistência e pesquisa dramatúrgica_Ana Bigotte Vieira
Cenografia_Rita Abreu
Figurinos e adereços_Ana Limpinho e Maria João Castelo
Tradução das canções_Pedro Boléo e João Paulo Esteves da Silva
Músico_João Paulo Esteves da Silva
Pesquisa e recolha musical_Pedro Boléo
Sonoplasta_Sérgio Milhano
Movimento_Vânia Rovisco
Desenho de luz_José Manuel Rodrigues
Construção de cenário_Nuno Tomaz e Carlos Caetano
Grafismo das frases projectadas_Inês Barros
Design gráfico_Rosa Baptista
Imagem_Frederico Lobo
Produção_Mafalda Gouveia
Assistência de Produção_Andreia Carneiro
Interpretação_Bruno Bravo, Carla Galvão, Carla Maciel, Carloto Cotta, David Pereira Bastos, Mónica Garnel, Paula Diogo, Pedro Carmo, Raquel Castro e Romeu Costa
Co-produção Gonçalo Amorim, Culturgest, Centro Cultural Vila Flor e TEMPO – Teatro Municipal de Portimão
Apoios Fundação Calouste Gulbenkian, Primeiros Sintomas
Projecto financiado por Ministério da Cultura / Direcção-Geral das Artes

shopping & fuc****

SHOPPING & FUC****

Estreia_CCB – 15 de Novembro de 2007
Texto_Mark Ravenhill
Tradução_ Ana Bigotte Vieira
Direcção Artística e Encenação_Gonçalo Amorim
Interpretação_Carla Maciel, Carloto Cotta, Pedro Carmo, Pedro Gil e Romeu Costa
Espaço Cénico_Rita Abreu
Adereços e Figurinos_Ana Limpinho e Maria João Castelo
Sonoplastia_Sérgio Milhano
Desenho de Luz_José Manuel Rodrigues
Assistência de produção_Andreia Carneiro
Direcção de Produção_Mafalda Gouveia
Co-produção_Primeiros Sintomas / CCB

A morte de um caixeiro viajante

A MORTE DE UM CAIXEIRO VIAJANTE

Estreia_Auditório Municipal de Vila Nova de Gaia_23 de Setembro de 2010
Texto_Arthur Miller
Tradução_Rui Pina Coelho e Ana Raquel Fernandes
Encenação_Gonçalo Amorim
Cenografia_Rita Abreu
Desenho de Luz e Sonoplastia_Eduardo Brandão
Interpretação_Aquiles Dias, Cláudio da Silva, Eduardo Breda, Inês Pereira, João M. Mota, José Brás, José Cruz, Maria João Pinho, Nuno Martins e Susana Sá
Produção_Teatro Experimental do Porto

meias~irmãs

MEIAS-IRMÃS

Estreia_Teatro-Cinema de Ponte de Sôr – 16 Junho 2010
Texto_Nuno Milagre
Encenação_Gonçalo Amorim
Interpretação_Carla Galvão e Crista Alfaiate
Cenografia_Rita Abreu
Sonoplastia_Filipe Peraboa
Assistência de produção_Pamela Pedroso e Vânia Lavado
Direcção de produção e luz_Pedro Domingos
Produção_Teatro da Terra